Duas palestras sobre programação neurolingüística realizadas na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e na Associação Comercial de Pelotas (ACP) reuniram na última semana funcionários de mais de cem farmácias da região de Pelotas e Rio Grande. O objetivo dos eventos promovidos pelo laboratório Genéricos Biosintética, pela distribuidora de medicamentos Santa Cruz e por lojistas do setor é melhor capacitar os atendentes do varejo. Ao todo, 250 pessoas assistiram às palestras.
De acordo com o consultor Francisco Arean, que proferiu as palestras, a programação neurolingüística pode auxiliar os balconistas a conquistar a confiança dos clientes e prepará-los para melhor satisfazer suas necessidades.
Conforme a visão de Arean, hoje em dia não é interessante apenas fazer promoções e oferecer descontos, é preciso oferecer um atendimento cada vez melhor e, portanto, é preciso investir e capacitar os atendentes. “São as pessoas que farão a diferença”, frisou.

O QUE É – Arean explicou que programação neurolingüística pode ser entendida da seguinte maneira: programação consiste em estabelecer objetivos e se preparar para alcançá-los, enquanto a neurolingüística une os processos de percepção do mundo – por indivíduo – e a capacidade de comunicar isto através da linguagem oral ou corporal. Outros eventos semelhantes estão sendo agendados e serão divulgados assim que as datas estejam definidas.

Álvaro Guimarães